Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Windows Phone Blog

Nokia Lumia 920 esgota em apenas 2 horas na maior loja Nokia de Xangai.

O primeiro fornecimento do Nokia Lumia 920 na China, não durou muito tempo. A maior loja Nokia de Xangai, esgotou o aparelho em apenas duas horas. Ninguém falou em números, mas alguns clientes afirmaram, que a marca desvalorizou o seu próprio equipamento, mandando pequenas remessas. 

A loja iniciou a venda do aparelho às 15:00 do dia 23 de Dezembro, às 17:00 já estava esgotado. Os clientes que não conseguiram entrar, foram convidados a fazer uma reserva, ate chegar uma nova remessa. Depois de ter esgotado em Itália, Reino Unido e Alemanha, agora a febre do 920 chegou à China. Nós por cá, ainda vamos ter de esperar, pelo menos e, na melhor das hipóteses, pelo final de Janeiro. 

A Nokia finalmente está no caminho certo e, com equipamentos de topo, que batem ate os concorrentes, GSIII e iPhone 5. Na Alemanha por exemplo, o Lumia 920 esta em 1º à frente do iPhone 5, como smartphone mais vendido na loja “The Phone House”.

 

Fonte.: Yxdown

Mais de 300 mil aplicações para Android e iPhone não servem para nada

A consultora “Strategy Analytics”, publicou recentemente um artigo, que define muito bem, o número de APP's disponíveis nas várias plataformas móveis, a sua real utilidade, e o número delas.

 

A consultora afirma que, cerca de 300 mil APP's quer do Android quer do iPhone, nunca chegaram a ser baixadas, ou por serem pagas, ou porque não tem qualquer utilidade para o utilizador. No Windows Phone, num universo de 120 mil APP's, cerca de 20 mil são também consideradas inúteis. Neste ponto, o Windows Phone acaba por ganhar em nível de percentagens de aplicações úteis.

 

O estudo revela ainda, o número de aplicações úteis por dispositivo, e aqui, o Windows Phone, esta ao nível da concorrência. A variação, vai de 30 a 50 aplicações úteis por dispositivo. São consideradas apenas as essências: redes sociais, produtividade, notícias etc... não estando incluídos os jogos. Neste ponto o WP tem as mesmas aplicações úteis que o rival iPhone e Android, ou seja: isto acaba por desmistificar aquela máxima, de querer comprar um dispositivo pelo numero de aplicações no market. 

 

O número de aplicações nas lojas, não deve servir como referência porque, como foi confirmado, as aplicações realmente úteis (redes sociais, banco online, notícias e meteorologia, produtividade) esta tudo nas 3 plataformas, não servindo o número de APP's como referencia.

 

Resumindo: quando for a uma loja, comprar um smartphone, não se deixe iludir pelo vendedor, quando este falar no número de aplicações. Como foi referido, as mais importantes, estão em todas as plataformas e, o máximo de aplicações úteis por dispositivo, como foi referido, chega apenas às 50, sendo o resto considerado de "lixo eletrónico". São aplicações de outras nacionalidades, ou que não cumprem o que prometem, não interessando absolutamente para nada ao utilizador.